História

        O Círculo Orquidófilo Sorocabano foi fundado em 27 de julho de 1971, e foi transformado em Sociedade de Utilidade Pública pela Lei Municipal n. 1795 de 11 de outubro de 1974.    

        A sua sede atual é o Parque da Biquinha, onde mantém uma biblioteca com um acervo de mais de 300 obras atinentes a orquidofilia.

        O Círculo mantém ainda, um orquidário dentro das dependências do Parque, além de inúmeras orquídeas plantadas em suas árvores, plantas essas doadas pelos seus associados.

        O Círculo é regido por um estatuto, que foi registrado em 24 de maio de 1972 no Primeiro Cartório de Registro de Imóveis e Anexos de Sorocaba, sob número 716, folha 104 do livro A-2.

        Atualmente, devido à exigência legal de adequação ao novo Código Civil, esses estatutos foram modificados e estão registrados no mesmo cartório sob número 9449 no registro integral de títulos e documentos.

        O Círculo mantem em seu quadro associativo, 90 associados sendo que 85 deles pagam uma contribuição mensal, para custeio de despesas principalmente para participação nas exposições do circuito nacional da CAOB (Coordenadoria das Associações Orquidófilas do Brasil), em cuja entidade somos filiados desde sua fundação.

        O Círculo promove anualmente uma exposição constante no Calendário Nacional, sempre no final do mês de setembro nas dependências do SESI – SOROCABA, onde convergem dezenas de cidades participantes, e são apresentadas milhares de plantas do Brasil e do exterior. Essa realização conta com a colaboração financeira da Prefeitura Municipal de Sorocaba, e com o apoio do SESI-SOROCABA, cedendo o espaço da quadra de esportes no clube do Mangal, onde é realizada a exposição, coisa que se repete já a mais de 5 anos.

        Na última exposição tivemos uma visitação extraordinária onde compareceram cerca de 5.000 pessoas de toda a Região.

        No quadro de associados temos sócios oriundos de várias cidades circunvizinhas, como Salto de Pirapora, Piedade, Ibiúna, Tapiraí, Itapetininga, São Paulo, etc.

        Esses associados se reúnem uma vez por mês, no terceiro domingo, para troca de informações nos diversos temas referentes ao cultivo de orquídeas, alem de realização de palestras e cursos.

        Como o número de associados aumentou sobremaneira nos dois últimos anos, passando de 25 para 90, o espaço da sala no Parque da Biquinha tornou-se muito pequeno, obrigando a que a Diretoria buscasse uma alternativa para as reuniões mensais. Essa alternativa foi conseguida junto ao SESI – SOROCABA, onde são realizadas nossas reuniões mensais.

        Assim, fica claro que um espaço definitivo, onde pudéssemos não só realizar nossas reuniões, mas também manter equipamentos e utensílios necessários aos cursos e palestras, seria de grande importância para todo o aficionado pelo cultivo de orquídeas.


Fotos Históricas
  Reuniões Realizadas no Parque da Biquinha (Dezembro 2003)